domingo, 6 de dezembro de 2020

Livro: Harry e Seus Fãs (e um pouco das minhas próprias memórias de fandom)

A maior parte desse post foi escrito em 07 de Abril de 2018, após eu ter lido o livro.
Porém eu não o havia terminado, por isso não publiquei. Então estou fazendo os adendos necessários agora e publicando em 2020:

Melissa Anelli. Um nome que eu deveria conhecer? Aparentemente sim. Mas até ver a capa desse livro alguns anos atrás (confesso que não lembro se foi online ou em livraria) eu não fazia ideia de quem se tratava e continuei ignorante até ler o livro este ano. Foi mais um desses que ficou um loooongo tempo na minha estante esperando a sua vez na minha longuíssima fila de leitura.
Mesmo não conhecendo a autora, a ideia de ler esse livro me interessou por contar em detalhes a história do fandom, do fenômeno Harry Potter o que, de certa forma, é parte da minha própria história.

Melissa se tornou a líder de um site chamado Leaky Cauldron, que postava notícias sobre Harry Potter. Isso na época que os livros de HP ainda estavam sendo lançados, que eu particularmente chamo de "A Era de Ouro do Fandom" de Harry Potter. Alguns minutos atrás, antes de começar a escrever este post fui dar uma olhada no site (continua ativo) que aparentemente foi tão importante e famoso (segundo a própria autora e 'dona' do site), mas que eu na mesma época nunca ouvi falar. Já o MuggleNet era um nome que eu via com frequência na época. Nunca tinha entrado nele porque na época eu não sabia inglês, mas era sempre citado nas discussões dos fóruns ou quando uma notícia vinha para sites brasileiros com frequência citava o MuggleNet como fonte. Guarde esses nomes, pois boa parte desse livro gira em torno desses 2 fã sites americanos.

No ano passado resolvi reler todos os livros de Harry Potter (fiz as pazes com os 6º e 7º livros nessa releitura) e como de costume, ao terminá-los, reli a Biografia da J. K. Rowling que é, para mim, uma fonte de inspiração que sempre me ajuda em momentos de desânimo total. Foi o último livro que tive tempo de ler em 2017. Então, em janeiro iniciei Harry e Seus Fãs.

sábado, 5 de dezembro de 2020

Vantagens e Desvantagens de ter um Leitor Kindle


O texto a seguir não foi escrito por mim. Eu estava justamente pesquisando sobre o assunto quando encontrei este texto escrito e publicado por Luiz Gomes em grupos de literatura no Facebook. Após o texto dele darei a minha opinião pessoal.

Antes de colocar o texto quero esclarecer a diferença entre 3 termos para evitar futuras confusões.

=> Leitor Kindle (E-Reader): é o aparelho da marca Amazon - objeto principal da avaliação deste post. É o aparelho que aparece na foto do início do post.
=> Kindle Unlimited: é um serviço de assinatura de livros - uma espécie de biblioteca digital em estilo Netflix, só que para livros - fornecido pela Amazon.
=> App Kindle: é o app da Amazon que pode ser baixado na maioria dos tablets e smartphones para quem faz assinatura do Kindle Unlimited poder ler os livros mesmo sem ter o Leitor Kindle.

sexta-feira, 4 de dezembro de 2020

Requiem: O Último Episódio (Animado) de Caverna do Dragão

Fiz um post em 2013 sobre uma HQ brasileira que contava o verdadeiro final de Caverna do Dragão, a partir do roteiro original que havia caído na internet.
E, neste LOUCO ano de 2020, o projeto de alguns fãs que são animadores amadores de fazer uma versão animada deste roteiro final ficou pronto!!! Eles usaram como matéria prima principal as próprias imagens dos desenhos originais.

A animação pode ser vista no YouTube com legendas em português e até dublado por outros fãs em português. Como ao linkar vídeos do YouTube sempre corremos o risco do vídeo ser retirado depois de um tempo e ficar um "vácuo", vou colocar abaixo mais de um link para você verem.

Eu assisti a animação (legendada) quando foi lançada e ficou um trabalho lindíssimo, incrível, realmente muito bem feito e fiel ao original. Vale muito a pena assistir, principalmente para quem é fã do desenho original!

Curiosidade: A Primeira Foto Publicada na Internet

 Você sabe qual foi a primeira foto publicada na internet?

A 1ª foto publicada na internet foi de uma banda chamada Les Horribles Cernettes, formada pelas assistentes administrativas e cientistas do CERN, maior laboratório de física de partículas do mundo.

A foto. à lá Facebook, foi editada em um Mac rodando a primeira versão do Adobe Photoshop e postada na internet no formato ".gif" por Tim Berbers-Lee, um dos inventores da web, em 1992.

Fonte do texto: Revista Fhox,  163
Fonte da imagem: Google

PS: Aliás, Les Horribles Cernettes tinham por sigla LHC (Large Hadron Collider).

Mudança no Blog

 O blog foi criado em 2008 e em 2013 ele sofreu uma mudança drástica no visual e troquei o banner.

Agora que estou retomando as atividades, decidi fazer novas mudanças, embora nada muito grande. Troquei o banner, atualizei a descrição, ajustei melhor a largura do blog para a visualização em telas menores, dentre outras pequenas mudanças.

Apenas a título de curiosidade e valor sentimental (mais pra mim do que para qualquer outra pessoa), deixo abaixo os 2 banners antigos do blog.


Banner 2013


Banner 2008